Skip to end of metadata
Go to start of metadata


 

Observações gerais

Apache OpenOffice 4.1.0 é um lançamento menor. Todos os utilizadores da versão Apache OpenOffice 4.0.1 ou anterior são aconselhados a atualizar. Pode transferir o Apache OpenOffice 4.1.0 aqui.

Por favor, reveja estas Observações para conhecer o que há de novo nesta versão, assim como notas importantes sobre problemas conhecidos e as suas soluções.

Além das novas funcionalidades descritas mais à frente nestas Observações, o Bugzilla, a nossa base de dados de rastreio de problemas, fornece uma lista detalhada de problemas resolvidos.

Outras áreas de melhoramentos incluem: melhorias de interoperabilidade, melhorias nas funcionalidades, erros corrigidos, novas traduções e atualização das traduções existentes.

Nota: avisam-se os utilizadores Mac que com esta versão, o Apache OpenOffice passa a ser uma aplicação de 64-bit, que requer o Mac OSX 10.7 ou superior.

Novas funcionalidades

Comentários/Anotações em intervalos de texto

No Writer é agora possível fazer comentários/anotações em intervalos de texto, em vez de só em posições do texto.

Esta funcionalidade foi introduzida no formato Open Document Format (ODF) versão1.2 e melhora, entre outras coisas, a interoperabilidade com o formato de ficheiro OOXML, mas até agora ainda não tinha sido implementada no OpenOffice. O projeto de melhoria OSBA OOXML incluía a implementação desta funcionalidade. Esta funcionalidade é uma versão melhorada do código escrito por SUSE para este projeto OSBA, em que as correções nos foram disponibilizadas sob a licença Apache License 2.0.

Detalhes da funcionalidade:

  • comentário/anotação num intervalo de texto dentro de um parágrafo (parte do projeto OSBA);
  • comentário/anotação em intervalos arbitrários de texto;
  • comentários/anotações em intervalos de texto sobrepostos;
  • realce do intervalo de texto comentado/anotado (parte do projeto OSBA mais as melhorias necessárias);
  • importação/exportação ODF:
    • funcionalidade básica de importação/exportação (parte do projeto OSBA mais as melhorias necessárias);
    • suporte para as iniciais do autor (parte do projeto OSBA mais a correção da conformidade ODF necessária);
  • importação OOXML
    • funcionalidade básica de importação (parte do projeto OSBA);
    • importação das iniciais do autor (parte do projeto OSBA mais as correções necessárias);
    • importação do autor e data de criação;

Suporte para iAccessible2

A versão do OpenOffice 4.1 para Windows integra suporte para IAccessible2 e abandona o legado da ponte de acesso Java, oferecendo melhor integração com leitores de ecrã de topo, como o JAWS e o NVDA. Esta funcionalidade ativa-se automaticamente quando o leitor de ecrã compatível com MSAA/IA2 estiver em execução. São introduzidas inúmeras melhorias de acessibilidade e correções de erros no Writer, Impress e Calc. O OpenOffice 4.1 oferece uma muito melhor experiência aos utilizadores Windows com deficiências visuais que as versões anteriores.

Melhorias

Edição de campos de introdução no local

No Writer, a experiência do utilizador para editar campos de introdução foi melhorada.

O utilizador pode agora modificar o conteúdo de um campo de introdução diretamente na área de texto do documento - não é necessário um diálogo adicional. Ao deslocar o cursor para um campo de introdução, os utilizadores recebem respostas acerca de como entrar e sair do campo. É desenhado um retângulo limitativo à volta do campo de introdução quando o cursor está dentro do campo - veja a ilustração seguinte.


Quando o cursor está dentro de um campo de introdução, o utilizador pode navegar para o campo anterior ou seguinte utilizando as teclas TAB e SHIFT-TAB - semelhante à navegação entre células numa tabela. Para inserir um caráter  TAB (tabulação) num campo de introdução, tem de usar as teclas CTRL-TAB.

Em documentos só de leitura, também pode editar os campos de introdução existentes e navegar de um campo para outro. Além disso, as sombras de campo são visíveis para campos de introdução em documentos só de leitura.

Os campos de introdução só podem conter texto não formatado. Assim, as ações correspondentes de edição e inserção em campos de introdução são restritas e a formatação de carateres é aplicada a todo o campo de introdução. Isto significa que não há alterações em relação a versões anteriores do OpenOffice.

São mostrados mais detalhes desta melhoria da experiência do utilizador na wiki do projeto - veja Edição de campos de introdução no local (em Inglês)

Funcionalidade de corte interativo

A funcionalidade de corte interativo para objetos gráficos selecionados no Draw/Impress, permite o corte intuitivo de conteúdo de um objeto gráfico. Contudo, anteriormente só funcionava sem falhas se o objeto não tivesse sido transformado, exceto se traduzido e dimensionado. No AOO 4.0 já tinha sido adicionada uma pré-visualização do corte. No AOO 4.1, o corte interativo trabalha agora em conjunto com todas as combinações possíveis de transformação de objetos gráficos. Se o seu objeto gráfico for rodado, aparado, invertido no eixo X e/ou Y, pode agora ser cortado interativamente sem falhas. O resultado cortado será agora correto em todas as combinações de transformações e todos os possíveis conteúdos gráficos (gráficos de píxeis, metaficheiros, SVG, ...) em todas as exportações (impressão, exportação para PDF, ...).

O exemplo mostra um objeto gráfico rodado e aparado que é cortado para mostrar só uma parte do mapa mundial.

Importar imagem de ficheiro e Arrastar & Largar dados gráficos

Importar imagens/gráficos de um ficheiro e Arrastar & Largar esses dados, foi melhorado e unificado para todas as situações e aplicações do AOO 4.1. O objetivo principal era tornar a reutilização de documentos existentes ou o copiar/colar páginas únicas mais fácil, permitindo uma substituição mais simples do conteúdo existente de objetos gráficos. Agora pode, por exemplo, copiar/colar diapositivos e substituir facilmente o conteúdo gráfico de objetos gráficos sem alterar a sua posição ou orientação. Isto também é possível para objetos gráficos do Writer, ou seja, copiar/colar páginas no Writer contendo objetos gráficos, ou copiar páginas de outro documento e depois substituir as imagens.

As seguintes ações funcionam igualmente em todas as aplicações do AOO 4.1:

para utilizar a importação de imagem no diálogo Ficheiro:

  • se não estiver selecionado nenhum objeto gráfico, será inserido um novo na posição do cursor (como habitualmente);
  • se estiver selecionado um objeto gráfico, o seu conteúdo será substituído, sem alterar a sua posição ou orientação;
  • se um objeto do Draw estiver selecionado, o novo conteúdo gráfico será usado como estilo de preenchimento gráfico para esse objeto;
  • selecionar a funcionalidade 'Ligar' no diálogo, criará um objeto gráfico ligado nos dois primeiros casos;

para Arrastar & Largar:

  • se não houver um objeto gráfico na posição de largada, será inserido um novo aí (como habitualmente);
  • se houver um objeto gráfico na posição de largada, o seu conteúdo será substituído, sem alterar a sua posição ou orientação;
  • se houver um objeto do Draw na posição de largada, o novo conteúdo gráfico será usado como estilo de preenchimento gráfico para esse objeto;

  • premir CTRL+SHIFT criará um objeto gráfico ligado nos dois primeiros casos;

Esta foi uma melhoria pedida para tornar a reutilização de objetos gráficos existentes mais fácil - o problema era que o utilizador tinha que inserir um novo objeto gráfico, anotar a posição e tamanho do antigo, e aplicá-las ao novo objeto para substituir eficazmente o objeto gráfico antigo. Obrigado por ter pedido esta melhoria no Bugzilla do AOO!

Carregar/Importar gráficos 3D Charts melhorado

Havia um problema de performance quando documentos com grandes gráficos 3D charts eram carregados (formatos próprios) ou importados (formatos externos). Este problema foi localizado na criação de uma grande quantidade de objetos 3D para visualização em gráfico. Isto foi melhorado. Por exemplo: um documento exemplo (externo, com um gráfico enorme contendo 100x100x5 caixas de dados 3D verticais) não podia ser importado de todo. Pode agora ser carregado em segundos, ficando com este aspeto:

Esta melhoria permite trabalhar com gráficos 3D muito maiores no AOO 4.1.

Modificações de gráficos/Filtros de gráficos vetoriais melhorados

Ao aplicar modificações e/ou filtros a objetos gráficos, a alteração era muitas vezes aplicada alterando o gráfico vetorial (SVG ou Metaficheiro) para uma variante baseada em píxeis. Isto fazia desaparecer as vantagens dos gráficos vetoriais e resultava em má qualidade de saída para impressão ou exportação PDF. Além disso, a manipulação de objetos gráficos variava entre o Writer e outras aplicações do AOO. Isto foi unificado internamente de forma a que todas as utilizações de dados vetoriais em objetos gráficos sejam igualmente melhorados neste aspeto, agora e no futuro.

Não é possível realçar todas as modificações que o AOO oferece aos objetos gráficos para gráficos vetoriais assim, mas muitas foram melhoradas. Os gráficos vetoriais vão continuar melhorados ao aplicar as seguintes modificações:

  • escala de cinzentos;
  • preto e branco;
  • marca d'água;
  • transparência (adicional, 0% a 100%);
  • modificação de Vermelho/Verde/Azul (-100% a 100%);
  • brilho (-100% a 100%);
  • contraste (-100% a 100%);
  • correção Gama (0.10 a 10).

Também funciona para todas as combinações das modificações acima. Esta melhoria já é visível nas vistas de edição, mas o seu objetivo principal é aumentar a qualidade de impressão e exportação PDF (e outras exportações que possam manter dados vetoriais) ao trabalhar com conteúdo de gráficos vetoriais. Eis um exemplo das vistas de edição (esquerda: AOO 4.0.1, direita: AOO 4.1). é a mesma imagem SVG modificada para escala de cinzentos:

Manter os dados gráficos originais sempre que possível

As versões anteriores do AOO, ocasionalmente modificavam o tipo de dados gráficos inseridos, por exemplo ficheiros JPEG inseridos eram, em alguns cenários, gravados como PNG nos ficheiros ODF criados. Estes cenários variavam entre as diferentes aplicações do AOO, uma vez que, internamente, não eram geridos da mesma forma. Isto foi melhorado para que o AOO 4.1 faça esta gestão igualmente em todas as aplicações e tente, sempre que possível, manter o seu formato original dos dados. Traz vantagens ao tamanho de ficheiros ODF criados, mas também para a qualidade da imagem. Havia cenários em que ficheiros JPEG eram gravados como JPEG, o que não só não melhorava a qualidade, mas ainda tinha o potencial de a baixar.

Isto funciona para BMP, JPEG, PNG e GIF, nos gráficos orientados para píxeis. Também está alinhado para gráficos vetoriais, como SVG e Metaficheiros.

Melhorias para conteúdo gráfico na área de transferência

O suporte para transferências de PNG pela área de transferência foi melhorado, para que ciclos de modificação de gráficos baseados em píxeis (i.e. copiar conteúdo gráfico para uma aplicação externa, modificá-lo e copiá-lo de novo para o AOO 4.1) trabalhem melhor com mais editores externos da sua preferência. Suporte mais lato para PNG significa que a transparência em gráficos baseados em píxeis será preservada em mais situações. Sabia que pode copiar qualquer objeto gráfico do AOO 4.1 para a área de transferência e colá-lo num editor de imagens externo à sua escolha, para o modificar e voltar a copiá-lo no AOO 4.1?

 

Outras melhorias

Seamonkey substituído por NSS ("Network Security Services")

Código ultrapassado da Mozilla, usado para incluir serviços de criptografia e acesso a livros de endereço, foi substituído pelas modernas e mais seguras bibliotecas NSS. Isto simplifica enormemente o processo de construção e manutenção do código e a sua transparência para o utilizador final em geral.

Os utilizadores finais são afetados da seguinte forma:

  • em Windows XP, tentar adicionar o livro de endereços do Windows como base de dados do OpenOffice; este foi sempre o caso em todas as versões mais recentes do Windows (Windows Vista, Windows 7 e Windows 8).
  • os utilizadores do Thunderbird não verão suporte ao acesso direto ao livro de endereços do Thunderbird no assistente de livro de endereços do OpenOffice, mas o suporte do OpenOffice a CSV pode substitui-lo por agora. Os utilizadores podem usar a funcionalidade do Thunderbird Ferramentas->Exportar->Como CSV para terem acesso ao seu livro de endereços como uma lista separada por vírgulas.
  • Acesso LDAP autenticado agora deixa de ser suportado (o acesso não autenticado já não era suportado).

Funcionalidades removidas/reformadas

Erros corrigidos

Veja a lista no Bugzilla.

Suporte a mais idiomas

Novas traduções disponíveis no Apache OpenOffice 4.1 incluem:

Búlgaro (bg)

Dinamarquês (da)Hebraico (he)

Hindi (hi)

Kazakh (kk)Norueguês Bokmal (nb)
Tailandês (th)  

Traduções atualizadas disponíveis no Apache OpenOffice 4.1 incluem:

Basco (eu)

Holandês (nl)

Alemão (de)
 Lituano (lt)Português (pt)Sérvio (sr)
Espanhol (es)Turco (tr) 

Para a lista completa de idiomas disponíveis e pacotes de idiomas, veja:

http://www.openoffice.org/download/other.html

Dicionários novos e atualizados

Novos dicionários

Lituano (lt)Português (pt-PT)

Dicionários atualizados

Inglês (en) veja a notaAlemão (de)Gaélico (gd)

Nota: a extensão contém muitas variantes. Só o dicionário en-GB foi atualizado.

Problemas conhecidos

  • O Apache OpenOffice 4.1.0 será marcado pela nova  funcionalidade Gatekeeper no Mac OS X Mountain Lion e Maverick. Esta é uma nova funcionalidade para ajudar a travar programas maliciosos nos sistemas Mac. Há um procedimento definido para permitir executar aplicações não instaladas a partir da loja Mac App. Veja o artigo na assistência Mac aqui: http://support.apple.com/kb/HT5290.
  • O Apache OpenOffice 4.1.0 suporta Java 7, que é a configuração recomendada; mas (especialmente em Windows 64-bit) poderá receber avisos sobre a versão Java ser defeituosa. Nesses casos, transfira e instale o Microsoft Visual C++ 2010 Redistributable Package. Se ainda tiver problemas, instale a versão mais atual do JRE 6. Certifique-se que obtém o ficheiro "Windows x86 Offline (32-bit)". Depois configure o OpenOffice para o usar em "Ferramentas - Opções - OpenOffice - Java". Veja este tópico no fórum para mais informação.
  • Dicionários ortográficos só são, temporariamente, incluídos nos pacotes de instalação localizados completos, não nos pacotes de idiomas (problema 124423). Podem ser instalados como extensões usando Ferramentas->Gestor de extensões.

Mantenha-se informado acerca do Apache OpenOffice

Encorajamo-lo a subscrever a lista de correio de anúncios do Apache OpenOffice, para receber importantes notificações, tais como atualizações do produto e atualizações de segurança. Para subscrever, pode enviar uma mensagem para: announce-subscribe@openoffice.apache.org.

Também pode seguir o projeto no Twitter, Facebook e Google+.

Labels
  • No labels